Sexta, 27 de Maio de 2022 02:30
95 98113 6002
Agropecuária AVANÇOS

Rorainópolis sedia Fórum sobre retirada da vacina contra febre aftosa

Encontrou foi no auditório da Uerr (Universidade Estadual de Roraima), campus de Rorainópolis, foi realizado mais um Fórum para discutir os próximos passos a serem dados, visando o fim da vacinação.

12/05/2022 15h29 Atualizada há 2 semanas
Por: Ribamar Rocha Fonte: Elias Venâncio - Secom Roraima
FOTOGRAFIA: Ascom/Aderr
FOTOGRAFIA: Ascom/Aderr

As ações voltadas para a retirada da vacina contra febre aftosa continuam sendo conduzidas pelo Governo do Estado, por meio da Aderr (Agência de Defesa Agropecuária de Roraima), e pelos pecuaristas. Na manhã desta quinta-feira, dia 12, no auditório da Uerr (Universidade Estadual de Roraima), campus de Rorainópolis, foi realizado mais um Fórum para discutir os próximos passos a serem dados, visando o fim da vacinação.

 

No Fórum, o debate sobre o Plano Estratégico do Programa Nacional de Erradicação e Prevenção da Febre Aftosa, que prevê ações compartilhadas entre o poder público, pecuarista e a sociedade civil, a fim de fortalecer o sistema de vigilância sanitária, a participação social, a precisão nos diagnósticos, agilidade na emissão do GTA (Guia de Trânsito Animal), dentre outras.

 

Com a participação de Francisco Olavo Pugliesi de Castro, presidente da Comissão Nacional de Bovinocultura de Corte, da Confederação Nacional da Agricultura e Pecuária do Brasil (CNA), que palestrou por transmissão de vídeo sobre a Responsabilidade Compartilhadas entre o setor público e privado na prevenção da febre aftosa, o evento contou com vários produtores de Rorainópolis e da região sul do Estado.

 

Além de Francisco de Castro, o Fórum da retirada da vacina teve como palestrantes Marcos Duarte e Sylvio Botelho, médicos veterinários da Aderr. Eles falaram sobre o Plano Estratégico e da importância da sanidade animal.

 

O governador Antonio Denarium destacou o empenho de todos em implantar ações necessárias para a retirada da vacina. “Nossa luta em conjunto é para a pecuária desenvolver com a sanidade assegurada, gerando emprego e renda para a população, impulsionando o setor para a ajudar Roraima a crescer”.

 

Já o presidente da Aderr, Marcelo Parisi enfatizou que o trabalho de retirada da vacina precisa envolver toda sociedade civil, técnicos da Aderr e pecuaristas de Roraima. “Estamos realizando vários fóruns para debater a retirada da vacina. Hoje, em Rorainópolis, contemplamos os produtores da região sul, levando informações para que todos entendam o que teremos que fazer, pois defesa animal não se faz sozinho”.

 

Aumento da Responsabilidade

 

Para o produtor, a retirada da vacina vai trazer muitos benefícios, mais comodidade e menos gastos, transformando a realidade atual e melhorando os negócios. De acordo com o presidente da Coopecarne, André Araújo, a retirada vai diminuir o trabalho, o desgaste em manejar os animais e os gastos com a vacina. Mas, alertou ele, “aumentará também a responsabilidade, pois temos que redobrar os cuidados com o rebanho”.

 

Nenhum comentário
500 caracteres restantes.
Comentar
Mostrar mais comentários
* O conteúdo de cada comentário é de responsabilidade de quem realizá-lo. Nos reservamos ao direito de reprovar ou eliminar comentários em desacordo com o propósito do site ou que contenham palavras ofensivas.
Sobre o município
Notícias de Rorainópolis - RR
Boa Vista - RR
Atualizado às 03h30 - Fonte: Climatempo
23°
Chuva fraca

Mín. 23° Máx. 31°

23° Sensação
13 km/h Vento
89% Umidade do ar
90% (15mm) Chance de chuva
Amanhã (28/05)
Madrugada
Manhã
Tarde
Noite

Mín. 24° Máx. 30°

Sol com muitas nuvens e chuva
Domingo (29/05)
Madrugada
Manhã
Tarde
Noite

Mín. 23° Máx. 31°

Sol com muitas nuvens e chuva
Anúncio
Anúncio
Anúncio
Anúncio
Ele1 - Criar site de notícias